Editora
Editora

“A Morte e o Avarento”: uma jornada de bom humor e reflexão em formato de cordel

Lançamento do selo Saberes e Letras é uma ferramenta educacional poderosa, capaz de despertar o interesse das crianças pelo conteúdo e forma do cordel

Foto: Arte Paulinas

O selo editorial Saberes e Letras apresenta o livro “A Morte e o Avarento”, uma obra intrigante que explora a avareza de um homem solitário confrontado pela inusitada visita da Morte. O enredo se desenrola com a Morte, surpresa pela pobreza da residência, desvendando a verdade e decidindo levar o avarento consigo. Um velório sem visitantes transforma-se em uma busca frenética por um tesouro, supostamente oculto no solado de um tamanco.

Escrito em forma de cordel, com versos de 7 sílabas em sextilhas, o livro mergulha os leitores no ritmo envolvente do baião. Esta tradição folclórica, celebrada no Dia do Cordelista, em 19 de novembro, é reconhecida como patrimônio cultural imaterial, com seus expoentes honrados na Academia Brasileira de Literatura de Cordel, no Rio de Janeiro.

“A poesia de cordel é uma das manifestações mais puras do espírito inventivo, do senso de humor e da capacidade crítica do povo brasileiro”, afirma Carlos Drummond de Andrade. A narrativa do autor, permeada por graça, crítica social e abordagem bem-humorada das crenças populares, cativa tanto o leitor urbano quanto os estudiosos universitários.

Com uma reviravolta surpreendente, a Morte enriquece após um sonho com o arrependido pão-duro revelando o local do tesouro enterrado. A partir daí, a obra explora o enriquecimento repentino da Morte, que aproveita a vida com viagens, festas e atos benevolentes.

A Morte e o Avarento” não apenas diverte, mas também oferece uma reflexão sobre a vida, conforme a Morte volta ao trabalho após uma semana, confirmando o ditado: “O que se leva da vida é a vida que se levar”. A certeza da vida é destacada com a poética frase: “O destino do avarento é a pena mais sofrida, pois sua herdeira é a Morte”.

Esta obra, além de seu valor literário, é uma ferramenta educacional poderosa, capaz de despertar o interesse das crianças pelo conteúdo e forma do cordel, promovendo uma conexão única entre tradição e modernidade. “A Morte e o Avarento” é uma adição imperdível para os amantes da literatura brasileira e uma experiência enriquecedora para leitores de todas as idades.

Sobre a autora 

Mari Bigio nasceu em Recife, é cantora, escritora, contadora de histórias, radialista e videasta. Ministra oficinas de literatura para crianças, jovens e educadores. Em 2007, lançou seu primeiro folheto de cordel, “A Mãe que Pariu o Mundo”, premiado pela Prefeitura do Recife.

Daí por diante, a poesia tomou conta da sua vida. Começou recitando nos mercados públicos da cidade, para o público boêmio de Recife. Hoje sua especialidade é a literatura de cordel escrita para crianças, mas Mari continua aproveitando as oportunidades que surgem para recitar para “gente grande” e expor nas rimas os anseios e dilemas do cotidiano. Ela tem um projeto chamado Cordel Animado, que divide com sua irmã, a multi-instrumentista Milla Bigio.

Desde 2012, a dupla se apresenta num espetáculo infantil que mistura cordel, música e sonoplastia, utilizando teatro de bonecos, mamulengo, fantoches e outros recursos cênicos.

Sobre o ilustrador 

Rodrigo Eli é ilustrador, designer gráfico, redator, roteirista e criador da série em cordel que mistura os ícones da cultura pop com elementos regionais brasileiros. É artista de São Paulo, mas profundo admirador da cultura nordestina, que o inspira na criação de suas obras.

Todos os personagens do cinema, dos desenhos, os ídolos da música e todas as cenas memoráveis que marcam nossa vida são representados com muita brasilidade em suas artes, que exaltam a bela e riquíssima cultura popular.

Sobre o Saberes e Letras 

Criado em 27 de julho de 2020 e lançado oficialmente no dia 15 de junho de 2021, o selo editorial Saberes e Letras tem como foco o lançamento de obras ligadas à cultura, à educação e ao entretenimento em geral, sempre buscando conteúdo de qualidade que promova o crescimento intelectual de seu público.

Seu ícone é uma coruja, símbolo do conhecimento, e a marca faz parte do grupo Paulinas Editora, empresa com 90 anos de presença no Brasil e 108 anos no mundo.

Para conhecer mais sobre a obra"A morte e o Avarento", clique aqui

 

Contato para a imprensa: Marco ASA | Tel.: (11) 5081-9333 | WhatsApp: (11) 96585-1710 | [email protected]

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites